A plataforma de brand journalism da Ovo Comunicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Parfin lança solução para criptoativos

Ferramenta permite que instituições ofereçam, via aplicativo ou por meio de white label, investimentos em moedas digitais. E conta com controles de segurança e serviço de custódia institucional

Ferramenta permite que instituições ofereçam, via aplicativo ou por meio de white label, investimentos em moedas digitais. E conta com controles de segurança e serviço de custódia institucional

Conectar bancos digitais, plataformas de investimentos e o mercado de balcão (OTC) com o universo dos criptoativos. É o propósito do Crypto Plug and Play, solução criada pela fintech Parfin para facilitar o acesso a esse ecossistema, de maneira simples e segura. Com a ferramenta, que funciona por meio de APIs ou interface web customizável, as instituições conseguem viabilizar a negociação de criptomoedas diretamente em seus aplicativos.   

O produto é dotado de uma infraestrutura robusta para a gestão e custódia institucional, que detém certificação da auditoria SOC2 (System and Organization Controls), pela Ernst & Young, e segue as regulações internacionais.  

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil, a Foxbit será a primeira companhia a adotar a solução. Com isso, espera ganhar eficiência e aumentar o volume de negócios na mesa de balcão, além de atrair investidores institucionais que desejam ganhar exposição a criptomoedas dentro de um ambiente com níveis elevados de segurança e confiabilidade.  

“O Crypto Plug and Play chega para conectar, de ponta a ponta, investidores institucionais com os criptoativos. É uma ferramenta que garante transparência e proteção em todos os seus procedimentos”, diz Marcos Viriato, CEO da Parfin. “Após um longo processo de idealização e formatação do produto, estamos felizes em anunciar o acordo com a FoxBit.”   

Em operação desde janeiro, a fintech tem diversos clientes no produto Portfolio Management. Soma mais de R$ 300 milhões em ativos sob gestão e deve superar a marca de R$ 1 bilhão até o fim do ano.  

Clientes

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Clientes