A plataforma de brand journalism da Ovo Comunicação

Contrate-nos

Em expansão, Grupo Primo compra a fintech Grão

Com aquisição, holding passa a oferecer serviços financeiros e garante acesso a uma audiência interessada em investimento e familiarizada com o digital

O Grupo Primo, ecossistema que reúne marcas e empresas no segmento de finanças, tecnologia, marketing e negócios, acaba de adquirir a Grão, fintech especializada em micro investimentos.

Lançada em 2019, a Grão é a primeira fintech a viabilizar o micro investimento no Brasil, sendo possível investir a partir de R$ 1 em títulos públicos, sem taxa de administração. A empresa tem como objetivo ajudar os brasileiros a criarem o hábito de poupar pequenos valores, incentivar a formação de uma “reserva” financeira para diminuir o endividamento e ser o passo inicial nos investimentos.

O usuário Grão tem acesso a um organizador financeiro, que ajuda a entender onde estão alocados os gastos (em categorias), trazendo o resultado de quanto se pode guardar no mês. Também são disparadas dicas de comportamento financeiro e melhor uso do dinheiro.

A empresa possui 35 mil clientes ativos e um time de, aproximadamente, 20 pessoas, a maioria em tecnologia. O intuito do Grupo nesta aquisição está no conhecimento e na capacidade da fintech de criar e oferecer produtos financeiros, ao passo que a Grão passa a ter acesso a uma audiência interessada em investimentos e familiarizada com o digital.

A fintech vai ampliar seu foco de atuação, buscando também clientes maiores, além de ampliar sua gama de serviços. Além da conta digital, conta remunerada e cartão, ela oferecerá fundos de previdência e outros investimentos mais diversificados. Para tal, foi constituída uma gestora de recursos, que desenvolverá internamente tais produtos.

“Mônica e sua equipe tem um propósito muito alinhado com o nosso. A oportunidade de ter esse time construindo serviços que estão nos nossos planos para servir e fortalecer nossa comunidade foi importante para essa escolha” afirma Nigro, especialista em finanças e CEO do Grupo Primo.

Esse movimento reforça a estratégia de atender a audiência do Grupo em suas necessidades ao longo de toda a jornada de conhecimento sobre investimentos. Isso oficializa sua entrada no segmento de produtos financeiros.
“Quando iniciamos a Grão, nossa proposta era dar ao brasileiro a possibilidade de começar a guardar dinheiro a partir de R$ 1. A aquisição faz sentido para evoluirmos de uma poupança digital para uma plataforma de investimentos sem perder a nossa essência e independência, ponto chave dessa escolha. Além disso, os valores do Grupo também estão muito alinhados com os nossos: de dar acesso aos investimentos e educação financeira“, diz Mônica Saccarelli, fundadora da Grão.

Mônica trabalha no mercado financeiro desde 1998. Foi ex-sócia e cofundadora da corretora Rico, na qual foi uma das responsáveis pela criação e o plano de negócios. Pelo acordo, ela segue liderando a operação da fintech, passando a ser sócia e ficando à frente de produtos financeiros para todo Grupo.

“A presença da Grão no nosso ecossistema oficializa a entrada do Grupo Primo num novo estágio: Além de viabilizar acesso à informação, vamos oferecer produtos financeiros. Isso aumenta o ciclo de vida de nossos clientes conosco, garante uma experiência completa junto ao Grupo e integra um parceiro que conta com uma equipe competente. Tudo isso respaldado por tecnologias proprietárias que garantem segurança e escala aos próximos passos neste mercado”, reforça Nigro.

Sobre o Grupo Primo

O Grupo Primo é um ecossistema que busca democratizar o acesso ao conhecimento para pessoas qu e almejam conquistar liberdade financeira. Por meio de canais de audiência e tecnologia proprietárias, distribui conteúdo de alta qualidade e facilita sua aplicação em diferentes segmentos de mercado de tecnologia, finanças e marketing e negócios.

O alcance digital do conglomerado com quase 20 marcas é de mais 20 milhões de seguidores e inscritos nas plataformas do Meta, antigo Facebook, e Google, e, segundo o próprio Spotify, alguns dos podcasts mais ouvidos do país, como Primocast, Os Sócios e JJ Podcast. O Grupo Primo conta com uma equipe de 240 pessoas, tecnologias desenvolvidas dentro de casa, uma produtora audiovisual de nível cinematográfico e tem as assinaturas de suas plataformas Staage e Finclass como principais fontes de receita.