A plataforma de brand journalism da Ovo Comunicação

Contrate-nos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Bexs Pay e Worldline anunciam parceria para facilitar transferências internacionais no Brasil e alavancar pagamentos digitais

No primeiro semestre de 2021, os pagamentos digitais sem cartão movimentaram US$ 48,5 bilhões no Brasil, país em que o uso da internet alcança 82,7%

A Worldline [Euronext: WLN], líder mundial no setor de serviços de pagamento e transações comerciais, fechou uma parceria com o Bexs Pay, um dos principais fornecedores brasileiros de serviços de pagamento, a fim de disponibilizar uma solução de transferência internacional para pagamentos digitais efetuados no Brasil, a economia mais dinâmica da América do Sul. A solução oferecerá um leque mais amplo de meios de pagamento às empresas do setor de e-commerce, que não precisarão dispor de estruturas locais para o processamento de operações.

O Brasil, maior economia da América do Sul, é uma grande potência digital, graças, em parte, a seus 211 milhões de habitantes que, em média, passam mais tempo na internet (9,1 horas por dia) do que a população americana (6,3 horas por dia). Mesmo com a crise política e econômica, nos últimos anos o setor de e-commerce no país vem apresentando crescimento na casa dos dois dígitos: no primeiro semestre de 2021, foram realizadas 13,6 bilhões de operações, movimentando, ao todo, US$ 228 bilhões.

Luiz Henrique Didier Jr., CEO do Bexs, declarou: “A parceria com a Worldline abrirá as portas do mercado brasileiro para muitas grandes empresas internacionais. O crescimento do e-commerce no Brasil mostra que nos últimos anos o país se tornou um gigante do mundo digital, atuando como um importante polo de oportunidades de negócios”.

A solução para pagamentos internacionais foi desenvolvida com o objetivo específico de atender às necessidades de empresas globais de varejo digital que não dispõem de uma estrutura no Brasil. Dessa forma, terão acesso facilitado ao mercado com preço competitivo. A nova parceria estratégica mobiliza, por um lado, o profundo conhecimento sobre a economia brasileira e a sólida experiência em operações de câmbio acumulados pelo Bexs Pay e, por outro lado, a presença mundial da Worldline e sua atuação como empresa especializada no setor de pagamentos, proporcionando excelentes oportunidades tanto para as empresas de varejo como para os consumidores brasileiros.

Um dos principais aspectos da parceria é que a solução foi desenvolvida para atender a um mercado em constante crescimento, dando apoio a empresas de e-commerce em diversos tipos de operações, como comercialização de produtos e serviços para consumidores brasileiros e suporte para a integração de pagamentos com cartão local e outros métodos em uso no país. A parceria entre a Worldline e o Bexs Pay proporcionará aos clientes uma série de benefícios, como:

• Amplo leque de meios de pagamento – entre os quais o Pix, sistema de pagamento instantâneo, lançado há um ano pelo Banco Central do Brasil e amplamente utilizado, bem como pagamento por boleto bancário –, a fim de aumentar a taxa de conversão das vendas.
• Maior facilidade para efetuar operações no país, sem que haja necessidade de dispor de uma estrutura local.
• Possibilidade de oferecer sistemas de pagamento parcelado ou recorrente, além de serviços de transferência de valores para outros países, em dólares ou euros, com ferramenta de controle de câmbio baseada em tecnologia de Smart Hedge.
• Transmissão de informações relativas à tributação, riscos, conformidade e demais regras aplicáveis.
• Assessoria a empresas de varejo digital no cumprimento da legislação e das exigências em matéria fiscal.

Daniel Passarelli, Diretor Executivo da Worldline para E-commerce na América Latina, declarou: “Após um ano marcado por grandes parcerias, nós, da Worldline, estamos muito felizes em ter o Bexs Pay como parceiro, a fim de consolidar nossa oferta no Brasil. Observando as tendências subjacentes do mercado e o comportamento dos consumidores, percebemos que o Brasil apresenta todos os requisitos para um sólido crescimento, oferecendo oportunidades interessantes para empresas globais de e-commerce”.

Relacionadas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email