A plataforma de brand journalism da Ovo Comunicação

Contrate-nos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Pagamento por aproximação reduz índice de fraude em 37%

A segurança desta nova forma de pagamento tem múltiplas camadas de proteção com controles eficazes na rede do emissor para identificar e interromper potenciais tentativas de fraude

Os pagamentos por aproximação se tornaram uma tendência mundial nos últimos anos. No Brasil, 33% de todas as transações presenciais realizadas no primeiro trimestre de 2022, com uma credencial Visa, foram por essa modalidade. E apesar desse crescimento exponencial, não foi verificado aumento de casos de fraude ou reclamações. Pelo contrário: dados da Visa apontam que os índices de fraude em transações com a tecnologia por aproximação caíram 37% ao comparar o primeiro trimestre de 2022 com o mesmo período do ano passado.

O Rio de Janeiro é um dos principais cases globais da Visa no mundo com a presença do pagamento por aproximação em transportes públicos e serviços, como metrô, ônibus, trem, barcas e pedágios. No estado, o número de transações Visa com essa tecnologia quintuplicou na comparação dos primeiros três meses de 2022 com os primeiros meses de 2021. Hoje, em média, uma a cada três transações Visa realizadas no Estado do Rio de Janeiro é por aproximação.

A segurança desta nova forma de pagamento tem múltiplas camadas de proteção com controles eficazes na rede do emissor para identificar e interromper potenciais tentativas de fraude. “O pagamento por aproximação oferece uma experiência de compra mais rápida, prática e segura aos consumidores, utilizando os mesmos protocolos de segurança de uma transação com chip de contato”, afirma Hugo Costa, diretor executivo de Produtos da Visa do Brasil.

Relacionadas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email