A plataforma de brand journalism da Ovo Comunicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Voltz vai inaugurar loja de motos elétricas em Salvador

Chegada à capital baiana em outubro faz parte dos planos de expansão da empresa de tecnologia após aporte de R$ 100 milhões

Chegada à capital baiana em outubro faz parte dos planos de expansão da empresa de tecnologia após aporte de R$ 100 milhões

motos eletricas voltz salvador

A Voltz, empresa de tecnologia com foco no segmento de mobilidade urbana, vai inaugurar em outubro uma loja em Salvador, na Bahia. A chegada na capital baiana faz parte dos planos de expansão da startup que comercializa motos elétricas e já conta com lojas-conceito em São Paulo e no Recife, além de mais de 30 unidades ‘pop-up’ – lojas menores comandadas por parceiros e instaladas em locais estratégicos, como postos da rede Ipiranga – espalhadas pelo país.

Em Salvador, a loja está localizada na Av. Octávio Mangabeira, 3.099, no bairro Costa Azul. A Voltz deve inaugurar lojas-conceito em outras capitais até o fim do ano. A nova loja foi desenvolvida pela empresa JP Arquitetura.

Além dessa novidade, a Voltz deve instalar no país outras 70 unidades ‘pop-up’. Somando com as que estão em operação, a ideia é chegar em dezembro com mais de 100 ‘pop-ups’ ativas.

“Com muito orgulho, estamos oficialmente levando a tecnologia Voltz para a Bahia”, comenta Renato Villar, CEO da Voltz. “A inauguração da loja representa uma conquista importante para nós. Queremos que, cada vez mais, os brasileiros utilizem veículos elétricos, e a Bahia é uma peça central para nosso país”, comenta.

Em maio deste ano, a Voltz recebeu um aporte de R$100 milhões. A rodada de investimento foi liderada pela Creditas e contou também com a participação do UVC Investimentos, fundo de Venture Capital do Grupo Ultra, companhia multinegócios responsável por empresas como Ipiranga, Ultragaz e Extrafarma, entre outras.

Além de acelerar a inauguração de lojas pelo país, com o aporte, a empresa planeja colocar em operação (ainda em 2021) a primeira fábrica de motos elétricas da Zona Franca de Manaus e lançar novos modelos e projetos de conectividade para redefinir a mobilidade em duas rodas no Brasil.

Clientes

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Clientes