Gastos com compras relacionadas ao Dia dos Pais aumentam 8,5%

Pesquisa da fintech Olivia mostra que as despesas com vestuário e acessórios foram as que mais cresceram

Com a ampliação do número de vacinados contra a Covid-19 no Brasil e a reabertura gradual da economia, a expectativa para o Dia dos Pais neste ano foi mais alta do que a em 2020. E de fato o comércio registrou um movimento mais acentuado, embora ainda tímido.

Segundo pesquisa da assistente financeira virtual Olivia, com base em dados de 5 mil usuários da plataforma, coletados entre 16 de julho e 8 de agosto, os gastos relacionados ao Dia dos Pais com compras em geral – incluindo artigos esportivos, eletrônicos, lojas de departamento, móveis e decoração, produtos de beleza, vestuário e videogames – foram 8,5% maiores do que os registrados no ano passado.

Uma das subcategorias que mais chamaram atenção foi a de vestuário e acessórios, que teve aumento de 18,4% na comparação com o mesmo período de 2020, sendo a principal responsável pelo aumento geral. O levantamento apontou, ainda, que as despesas com comida e bebida cresceram 14,6%.

Deixe uma resposta