Num único produto, sete das commodities mais lucrativas do planeta

Tem R$ 100 por aí? Então conheça o mais novo lançamento da Vitreo

Atenção para a novidade na prateleira de investimentos da Vitreo: o FoF (Fundo de Fundos) Commodities, lançado uma semana depois do Vitreo Agro FIM, multimercado que investe no potencial do agronegócio no Brasil e no exterior.

Ambos se inserem num contexto em que o setor tem sido determinante para o resultado expressivo das exportações do país. Em junho, elas somaram US$ 28,1 bilhões, melhor resultado em um mês desde 1997, quando teve início a série histórica, e cifra 60,8% acima da registrada em junho de 2020.

Voltado para todos os perfis de investidor, o FoF não cobra taxa de performance, tem taxa máxima de 0,95% ao ano, permite investimentos a partir de R$ 100 e abarca sete teses de investimento: agronegócio, créditos de carbono europeus, cobre, urânio, petróleo, ouro e prata.

“A alocação do fundo engloba commodities que estão passando por um momento de alta separadamente, o que dá ao investidor a possibilidade de alcançar grandes lucros investindo de uma só vez nos principais ativos do segmento”, explica Jojo Wachsmann, sócio e chefe de gestão da Vitreo. “É o melhor veículo para ampliar as chances de multiplicação de capital.”

A tese que baseia o FoF aposta que a retomada econômica nos países desenvolvidos – principais compradores de insumos primários – e a alta demanda por petróleo, minérios e outras matérias-primas seguirão impactando o preço dos produtos. Segundo Jojo, o fundo vai contar com a gestão ativa da Vitreo em todas as etapas da alocação, de olho nas ondas de valorização dos ativos.

Nenhum pensamento

Deixe uma resposta