Breno Bonani: Procurando um setor para investir? Olhe para o 5G

Por Breno Bonani, analista da Avenue Securities.

Como na última semana, vamos começar analisando os dados em relação à vacinação contra a covid-19 em diversos países.

Olhando abaixo, podemos ver que o Estados Unidos acelerou este processo ainda mais. Nos EUA, a última taxa de vacinação (1 de abril) foi de 2.903.730 doses por dia, em média. Nesse ritmo, serão necessários mais 4 meses, aproximadamente, para cobrir 75% da população.

Semana que vem, pessoas com 18 anos já podem tomar uma das duas vacinas disponibilizadas, Pfizer (PFZE) ou J&J (JNJ).

Procurando por um setor? Olhe para o 5G

Espera-se que a adoção da tecnologia 5G triplique no ano de 2021. Vale a pena estudar companhias como Qualcomm (QCOM), Verizon (VZ), T-Mobile (TMUS), American Tower (AMT), Ericsson (ERIC).

Além disso, como é possível ver na imagem abaixo, a Ásia segue na liderança. Entretanto, pode ir ainda mais. O ETF KWEB é interessante para quem quer ter uma exposição nas “big techs” asiáticas.

Ainda sobre setores: carros elétricos estão em alta, mas e os autônomos?

Abaixo, dados sobre o número de milhas que os carros autônomos de cada empresa já percorreram. E, de quebra, algumas companhias aí também negociam no mercado americano.

Novo mês, novas possibilidades.

Iniciamos abril, que tende a ser um bom mês para ações (eu disse TENDE).

Além disso, o segundo trimestre de um novo ciclo presidencial tende a ser positivo para ações também.

Um contra ponto.

Preciso fazer um contra ponto. Afinal, o S&P 500 bateu os 4 mil pontos na semana passada. Um feito histórico. Na imagem abaixo, temos a porcentagem de ações do S&P 500 acima de sua média móvel de 200 dias, que estão perto de máximas plurianuais.

Fechamento do mês dos setores nos EUA:

Força de trabalho nos EUA se recupera

Na sexta passada, saiu os dados do Payroll (relatório de emprego) dos Estados Unidos. Vieram números fortes. Porém, segundo o FED (Banco Central Americano), a participação continua presa na faixa baixa desde julho/20 e as taxas de desemprego, de certa forma, ainda permanecem acima da pré-pandemia.

CURIOSIDADE:

Em caso de aumento de taxa nos EUA, tenha bancos e evite Real Estate.

E se bater inflação??

Aí o setor de energia e materiais ficam interessantes. Por outro lado, varejo de alimentos (supermercados, atacadistas e etc) e Healthcare, tendem a sofrer mais.

É isso!
Até a próxima semana.

Deixe uma resposta